OBEDECEI AOS VOSSOS PASTORES???

Por Letícia Romero

"Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil."

                                                                       Hebreus 13:17



Eis o versículo bastante usado pelos líderes atuais para confirmar sua "autoridade" sobre as pessoas, porém muitos não estão sabendo interpretá-lo direito e isso gera muitos "mitos" que perduram até hoje como "Se você sair do templo sem a proteção do pastor, você estará amaldiçoado!"; " O pastor é o anjo da igreja"; " A última palavra é do pastor"; " Não devemos fazer nada sem o conselho de nosso pastor"


Todos sabem que a Bíblia se completa. Não dá para pegar um versículo isolado e fazer uma teoria ou doutrina, vou te dar um exemplo prático:

Muitos pegam o versículo "Não julgueis, para que não sejais julgados."Mateus 7:1
E pensam: Pronto! Acabou! É o que está escrito! Não devo julgar ninguém, mesmo que façam algo errado, sou um robô, só Deus julga!

Mas esquecem de ler o capítulo todo que diz:
"Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores.Por seus frutos os conhecereis."
Mateus 7:15,16

Ou seja, preciso estar atento, observar....O versículo de Mateus 7:1 fala sobre julgar pela aparência e a importância de olhar para nós mesmos antes de olhar para o outro, porém não manda ficarmos omissos quanto quem nos orienta, ou não observarmos a vida de quem prega.

Esse é o problema de pegar versículo isolado sem comparar com o resto da Bíblia. Se formos ver, Jesus e principalmente Paulo, cansaram de falar sobre os falsos profetas e falsos mestres, mas quando há denuncias sobre o que esses homens fazem muitos falam: "NÃO JULGUEIS" por não terem conhecimento Bíblico, pois na Bíblia há vários outros versículos que nos mandam julgar:

"Não julgueis segundo a aparência, mas julgai segundo a reta justiça."
João 7:24

"E por que não julgais também por vós mesmos o que é justo?"
Lucas 12:57

"Falo como a entendidos; julgai vós mesmos o que digo."
1 Coríntios 10:15

"Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo."
1 João 4:1

Eu dei esse pequeno exemplo apenas para mostrar o quanto é prejudicial pegar um versículo isolado para criar uma teoria sem verificar o que no Geral a Bíblia fala sobre isso.

Então vamos voltar para o versículo principal deste estudo:


"Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil."



Em outras versões da Bíblia a palavra "pastores" aparece como "guias", "condutores", "supervisores", "líderes", etc.


Vocês perceberam que "pastores" está no plural?

porque está se referindo aos irmãos que são responsáveis localmente por uma congregação. Seu papel é o de supervisionar administrativamente a assembleia local. 

São também chamados em outras passagens de presbíteros, bispos ou anciãos. Porém perceba que nunca aparecem no singular, mas sempre no plural, portanto a função "pastoral" de um homem só encontrada nas denominações não tem respaldo bíblico.

Os pastores (ou bispos, ou presbíteros ou anciãos) de uma assembleia local eram apontados diretamente pelos apóstolos ou por determinação direta deles (como ocorreu com Paulo ordenando a Tito que elegesse presbíteros de cidade em cidade). 

Para resumir Esses pastores ou guias eram pessoas irrepreensíveis, a quem o autor pede para serem imitados: "Lembrai-vos dos vossos pastores, que vos falaram a palavra de Deus, a fé dos quais imitai, atentando para a sua maneira de viver."
Hebreus 13:7




Eram homens que cuidavam e orientavam o rebanho, não existia hierarquia, eles eram os mais entendidos, porém não criavam dependência nas pessoas.

Paulo dizia que a pessoa precisa de um guia, um sábio, um ancião, que ajuda no entendimento da palavra e edificação da fé, até que essa pessoa amadureça! 
Não é para sempre, 
É só até ela ter o conhecimento e alcance a unidade e plenitude da fé, daí em diante é você anunciar o evangelho, assim como Jesus fez com os apóstolos e os apostolo com seus discípulos!

Para entendermos mais isso vamos voltar a um fato que ocorreu com Jesus:

"Então se aproximou dele a mãe dos filhos de Zebedeu, com seus filhos, adorando-o, e fazendo-lhe um pedido.
E ele diz-lhe: Que queres? Ela respondeu: Dize que estes meus dois filhos se assentem, um à tua direita e outro à tua esquerda, no teu reino.
Jesus, porém, respondendo, disse: Não sabeis o que pedis. Podeis vós beber o cálice que eu hei de beber,(Que significa morrer pelo evangelho) e ser batizados com o batismo com que eu sou batizado? Dizem-lhe eles: Podemos.
E diz-lhes ele: Na verdade bebereis o meu cálice e sereis batizados com o batismo com que eu sou batizado, mas o assentar-se à minha direita ou à minha esquerda não me pertence dá-lo, mas é para aqueles para quem meu Pai o tem preparado.

E, quando os dez ouviram isto, indignaram-se contra os dois irmãos.
Então Jesus, chamando-os para junto de si, disse: Bem sabeis que pelos príncipes dos gentios são estes dominados, e que os grandes exercem autoridade sobre eles.
Não será assim entre vós; mas todo aquele que quiser entre vós fazer-se grande seja vosso serviçal;
E, qualquer que entre vós quiser ser o primeiro, seja vosso servo;

Bem como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos."
Mateus 20:20-28


Ou seja irmãos, Jesus explica para os próprios apóstolos que o estilo da igreja seria diferente de como é no mundo. No mundo existe hierarquias, existe autoridade, porém ele diz NÃO SERÁ ASSIM ENTRE VÓS.

Esse é o modelo que vemos hoje? Nenhum dos apóstolos faziam as pessoas dependentes, e em nenhum versículo vemos eles dizendo que eram autoridade na vida das pessoas, apenas recebemos orientações para observarmos aqueles que já estão mais fortes na fé e aprendermos com esses. Na igreja primitiva vemos que uns aprendiam com os outros, uns mais entendidos falavam, outros profetizavam, outros cantavam, todos reunidos num propósito de edificação da igreja.

Surge uma pergunta. Pastor é um cargo?

Já vemos que não existe um lider único, inquestionável, na igreja, mas sim pessoas mais entendidas que orientavam as outras para crescerem e também poderem orientar as outras, em um crescimento constante onde Jesus era o líder.
E que Jesus falou que entre nós não seria como no mundo onde há hierarquias e autoridades, mas aquele que quiser ser o maior seria o nosso servo, o mais humilde...

É isso que vemos hoje?

Em Efésios 4:11-12 vemos: "E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores, Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo"

Ou seja, ser pastor ou guia é um dom, não um cargo, o Espírito Santo precisa te dar esse dom. E vemos no versículo um nivelamento, não há um maior que o outro, todos cooperam para o crescimento da igreja, um aprende com o outro.


Continuando em Efésios podemos ver:

"Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo,
Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente.
Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo."
Efésios 4:13-15

Quem é o cabeça? O pastor? 

Verifiquem comigo que não há na Bíblia nenhum fato ou versículo que coloca na mão do Pastor a autoridade da igreja, apenas verificamos que existiam aqueles (no plural) mais entendidos que orientavam outros a os obedecerem na palavra a verificarem suas vidas até que eles se tornassem aptos a sair e orientar também, sem dependências. 

Observe também que esse estilo que vemos hoje de hierarquia, liderança inquestionável, maldição por não concordar com o pastor ou sair do templo que ele preside parece muito mais com o modelo católico que sempre agiu dessa forma.

A igreja evangélica saiu da igreja católica e trouxe muitas coisas dela, liderança inquestionável é uma delas.

Paulo não concordava com isso.... uma vez ele disse a igreja de Corínto "Falo como a entendidos; julgai vós mesmos o que digo."1 Coríntios 10:15 Ele elogiou a igreja de Beréia que analisava tudo o que PAULO dizia para ver se estava de acordo com a palavra, Paulo sempre encorajou essas coisas, disse para não sermos meninos enganados."E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus.Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim."

Atos 17:10,11


Ter o dom de pastor ou de guia é ser irrepreensível, marido de uma só mulher, exemplo de vida, (1 Timóteo 3), mas não imune a questionamentos.


Nenhum homem é inquestionável, todos somos imperfeitos.

Claro que existem aqueles que se destacam por sua sabedoria e por seus dons na igreja, mas isso não pode ser utilizado para ser maior ou dominar sobre os outros, cada um responde por si diante de Deus.


Atos 20:28-33 "Olhai, pois, por vós, e por todo o rebanho sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele resgatou com seu próprio sangue. Porque eu sei isto que, depois da minha partida, entrarão no meio de vós lobos cruéis, que não pouparão ao rebanho; E que de entre vós mesmos se levantarão homens que falarão coisas perversas, para atraírem os discípulos após si...De ninguém cobicei a prata, nem o ouro, nem o vestuário."





Agora e esse negócio de "anjo da igreja"?

Se você ler os evangelhos as cartas de Paulo e os demais livros não há nenhuma referência a "anjo da igreja" vemos isso apenas em Apocalipse, que se inicia com "cartas" aos anjos da igreja com a profecia a cada uma delas...quem garante que esse anjo da igreja era o pastor se na igreja primitiva eram vários os que guiavam?

Fica o desafio para você... João estava falando ali com os pastores?


O mesmo acontece com o " Não toqueis no ungido do senhor" que é um versículo inventado, não existe na Bíblia. 

O que tem na Bíblia é na história de Davi ele dizendo que não mataria o rei Saul por que não tocaria no ungido. "Então disse Abisai a Davi: Deus te entregou hoje nas mãos o teu inimigo; deixa-me, pois, agora encravá-lo com a lança de uma vez na terra, e não o ferirei segunda vez.
E disse Davi a Abisai: Nenhum dano lhe faças; porque quem estendeu a sua mão contra o ungido do Senhor, e ficou inocente?"1 Samuel 26:8,9                     
Saul era pastor? 



Davi pode até não ter tocado no ungido, por uma decisão própria, mas desejou que Deus tocasse: "Disse mais Davi: Vive o Senhor que o Senhor o ferirá, ou o seu dia chegará em que morra, ou descerá para a batalha e perecerá."

E Deus tocou, que além de Saul ser atormentado por demônios acabou perdendo seu reino de forma trágica.

Vejam que muitas passagens Bíblicas estão sendo utilizadas isoladamente para afirmar o cargo pastoral, para não questionarmos, para temermos sua maldição, e para não julgarmos. O que é ranço da Igreja católica, não da primitiva.



O que aprendemos:

Para resumir tudo entendemos que Jesus não criou a igreja para ser vertical, mas sim horizontal.

Pastor não é um cargo, mas sim um dom.

Todos os dons são nivelados, não há mais importância para um ou para outro, todos cooperam para o crescimento da igreja.

Não existe uma pessoa responsável por você, você é o único responsável pela sua salvação.

O único bom pastor é Cristo que é o líder e cabeça da igreja.

Devemos analisar sempre o que é dito pelas pessoas mais esclarecidas para ver se estamos sendo orientados segundo o evangelho de Cristo, e para não imitarmos práticas de falsos mestres.

Esse modelo hierarquico da igreja evangélica, veio da igreja católica, não da primitiva onde todos eram importantes e uns aprendiam com os outros.

Pastor não é o anjo da igreja.

Pastor não é inquestionável, por isso devemos duvidar do que ele fala ou ensina se não estiver de acordo com a palavra.

Não seremos amaldiçoados por um pastor, pois pastor de verdade que tem esse dom dado pelo Espírito Santo não amaldiçoa, mas tem amor.

Fonte: http://vejanabiblia.blogspot.com.br/2012/05/devo-obedecer-um-pastor-segundo-hebreus.html




28 comentários:

Angildo Maffei Laurindo disse...

É muita heresia poste de pessoas desviada dos princípios bíblicos se até Paulo era subimisso ao apóstolo Pedro porque agora é diferente. ..

Angildo Maffei Laurindo disse...

É muita heresia poste de pessoas desviada dos princípios bíblicos se até Paulo era subimisso ao apóstolo Pedro porque agora é diferente. ..

danieli yoshimori disse...

Parabéns ótimo estudo, bem esclarecedor.

branca de neve disse...

Engraçado nós saímos da escuridão do mundo onde a maioria nasce católico e pensamos que estamos na verdade(igreja evangélica)aí nos deparamos com subverdades se não lermos a bíblia estamos mais uma vez enganados por falsas doutrinas falsos ensinamemtos .

branca de neve disse...

Engraçado nós saímos da escuridão do mundo onde a maioria nasce católico e pensamos que estamos na verdade(igreja evangélica)aí nos deparamos com subverdades se não lermos a bíblia estamos mais uma vez enganados por falsas doutrinas falsos ensinamemtos .

Anônimo disse...

E esse olho que tudo vê ai nesse plano de fundo.
Quem nos garante que vocês não são Iluminati querendo afastar as pessoas das congregações, e deixá-las dispersas. Porque como está escrito na bíblia:

"E, se um reino se dividir contra si mesmo, tal reino não pode subsistir". Marcos 3.24

E ao invés de nós cristãos, estarmos preocupados em exercer nosso papel de buscar ao Senhor em primeiro lugar, e se edificar cada vez mais, olhando para Cristo. Estamos tão preocupados com a comunhão com Deus do irmão ao nosso lado, que se esquecemos de como anda o nosso relacionamento com Deus.
A nós como diz a palavra do Senhor, cabe amar ao próximo independente do que ele seja, ou tenha nos feito, e amar significa orar e buscar por ele, pois o papel de mudá-lo reparando seus erros cabe ao espírito santo, e o papel de julgar, fazer justiça, se deve ser feita ou não cabe a Deus.

Não julgueis segundo a aparência, mas julgai segundo a reta justiça.
João 7:24


Se você encontrou algum erro no seu irmão, ore por ele, não cabe a nós condenarmos ninguém, mas amarmos nosso próximo como a si mesmo. Temos que fazer julgamentos para a salvação, para pedirmos misericórdia ao Senhor por suas vidas, para que o Espírito Santo venha agir.

Anônimo disse...

Contra fatos não há argumentos !!

Amor ao próximo não é você bajular ele , amor ao próximo é você ser um exemplo PARA PODER EXORTAR COM AMOR , amor é o mesmo que ser conveniente com o pecado ? acho que não ... pois Deus mesmo amando o mundo , lança ao inferno aqueles que não aceitam a sua correção! Não somos nós que julgamos mas sim a palavra de Deus. E se ele mesmo nos orienta a cautelar contra esses falsos mestres , que distorcem a sua sã doutrina , porque então não seria correto julgar pela palavra ? Que amor é esse que você vê a pessoa sendo enganada , caminhando para a destruição , e não a orienta ? Infelizmente muitas pessoas confundem o que significa amor ao próximo, aceitem, a palavra de Deus não é carinho e bajulação, é espada e justiça , pelo que muitos pensam ele não veio trazer PAZ MAS ESPADA. Porque a Verdade não nos agrada, a correção é ruim , por isso mesmo ele nos manda a negar as nossas propiás vontades , porque estar acomodado em uma religião que acomoda os nossos pecados é fácil. Mas pegar a cruz e seguir Jesus ninguém quer. PECADO É VOCÊ SER CONIVENTE COM O PECADO DO SEU IRMÃO. O AMOR É A SALVAÇÃO , AMOR AO PRÓXIMO É QUERER QUE ELE SEJA SALVO PERANTE O QUE NOS E ENSINADO NAS SANTAS ESCRITURAS, NEM PARA QUE ISSO A VERDADE O DOA. NÃO A DIFERENCIAÇÃO EM SER PASTOR OU NÃO , TODOS PASSARAM PELO JULGAMENTO , E O QUE VOCÊ FEZ? VOCÊ LUTOU PARA QUE SEU IRMÃO SEJA SALVO?. QUE JESUS CRISTO SEMPRE NOS DE A LUZ DE SEU ENTENDIMENTO E QUE ELE SEJA SEMPRE GLORIFICADO AMEM!

Edivaldo Santos disse...

Paulo era tão submisso a Pedro que ele exortou a Pedro Gl:2-11;16 e ainda disse aos Israelitas se eles não queriam ouvir a verdade ele iria levar a verdade aos gentios

Musical Luz e Paz disse...

Penso que não podemos sair por aí também, dizendo que todo mundo agora é falso profeta. Devemos sim, analisarmos tudo comparando com a palavra de Deus. Muitos, já no tempo do apóstolo Paulo pregavam a respeito de Cristo, uns com um sincero coração, outros por inveja e competição, outros por ganância mesmo. Paulo comenta: o importante é que Cristo está sendo anunciado. Os que andam falsamente, o Senhor os julgará e lhes dará a devida recompensa segundo o seu procedimento. Mas, eu entendo o que estão querendo me dizer neste assunto.

Anônimo disse...

Só que não podemos nos esquecer que estas cartas eram circulares,uma carta dessa quando chegava aos Efésios passava pelas demais comunidades ou pequenas assembleias de novos cristãos,dai acredito eu que se explica a palavra pastor ou presbítero estar no plural porque cada comunidade havia um responsável, durante o ministério de paulo foram estabelecidas muitas igrejas,a carta de Tiago foi escrita aos primeiros convertidos de jerusalém "cristãos judeus"
que viviam fora da palestina que abitavam nas regiões Fenícia,Chipre,Antioquia da Síria.quando em Tiago 5 :14 nos fala de presbíteros precisamos entender de quantas comunidades ele esta falando.

Anônimo disse...

LETICIA ROMERO VC E CASADO COM OBREIRO OU E MULHER DE PASTOR ?

Ailton Junior Sax disse...

Fantástico

nandiikaaa disse...

Perfeita resposta

nandiikaaa disse...

Perfeita resposta

Anônimo disse...

Para onde foram as quase três mil pessoas convertidas durante a pregação de Pedro lá em Atos 2? Será que foram todas para as "igrejas" ? Ou foram evangelizar e anunciar as boas novas movidos pelos Espírito Santo?

Unknown disse...

Dever do servo de Deus é andar na palavra,nao cabe ao homem julgar ou críticar. Pois a salvação é individual. Cada um examinem as escrituras e orem a Deus pra abrir seu entendimento e siga a palavra.
Pois a vários pensamentos. Mais só uma palavra. Fiquem na paz cada um busque da melhor maneira a Jesus.

Luciano Amorim disse...

Dever do servo de Deus é andar na palavra,nao cabe ao homem julgar ou críticar. Pois a salvação é individual. Cada um examinem as escrituras e orem a Deus pra abrir seu entendimento e siga a palavra.
Pois a vários pensamentos. Mais só uma palavra. Fiquem na paz cada um busque da melhor maneira a Jesus.

Vinicius Cazo disse...

Meu amigo tome muito cuidado! Você tem a coragem de tirar uma palavra da Bíblia?
Apocalipse 22:19 diz: "e, se alguém tirar quais quer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida e da cidade santa, que estão escritas neste livro."
A Bíblia no livro de 1 Crônicas 16:22 diz: "não toqueis os meus ungidos e aos meus profetas não façais mal."
Examinem as escrituras antes de ficarem lendo as mensagens deste blog! Para que não errem!

Anônimo disse...

"O mesmo acontece com o " Não toqueis no ungido do senhor" que é um versículo inventado, não existe na Bíblia."

Salmos 105:15 “Não toqueis em meus ungidos, não maltrateis meus profetas!”

Por favor irmã:

Tiago 4: 11-12 "Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Quem fala mal de um irmão, e julga a seu irmão, fala mal da lei, e julga a lei; e, se tu julgas a lei, já não és observador da lei, mas juiz.
Há só um legislador que pode salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas a outrem?

Anônimo disse...

quem são hoje os ungidos,são os pastores? Na lei eram os reis sacerdotes e profetas,com óleo; Cristo foi ungido com óleo?Quem ungiu Cristo? E hoje? Nós os que cremos somos ungidos,somos profetas e reinaremos com cristo no seu reino,e hoje devemos reinar em vida,com uma mudança de um novo homem.Pedro diz que somos sacerdotes,sacerdócio real,nação santa.

Anônimo disse...

O óleo significava na lei o Espírito Santo,e Cristo foi ungido por Deus no momento de seu batismo,então pra que o óleo hoje?(comércio e besteiras)e nós como somos ungidos,se somos sacerdotes,quem nos ungiu? No momento do crê,fomos selados com o Espírito Santo da promessa,para o dia da redenção,para o dia do resgate,Ef 1:13.Ef 4:30.Amém!!

JOSÉ FÉLIX DE OLIVEIRA FILHO disse...

o ÓLEO REPRESENTAVA O ESPÍRITO SANTO,QUE UNGIU A CRISTO DE FORMA ESPIRITUAL E NÃO O ÓLEO MATERIAL,E NÓS TAMBÉM,NO MOMENTO DO CRÊ,NENHUMA COISA MATERIAL TEM EFEITO ESPIRITUAL EM NÓS,TODOS QUE USAM COISAS MATERIAIS,OBJETOS, PARA COISAS ESPIRITUAIS,SÃO SEM CONHECIMENTOE NÃO ENTENDERAM O EVANGELHO DE JESUS, OS OBJETOS E QUALQUER COISA MATERIAL NÃO FAZEM DIFERENÇA EM NOSSA VIDA ESPIRITUAL,NÃO NOS AMALDIÇOA E NEM NOS ABENÇOA ESPIRITUALMENTE,AS COISAS MATERIAIS SERVEM PARA COISAS MATERIAIS,PARA O NOSSO CORPO.MAIS VEMOS A CEGUEIRA DOS MEUS IRMÃOS EVANGÉLICOS,VAMOS BUSCAR O ESPÍRITO SANTO,ELE NOS ENSINA!

Nathália disse...

Olá! Li a postagem e os comentários, e lamentavelmente vi nos comentários pessoas que ainda não assimilam que Cristo é a Palavra de Deus e que esta Palavra CONTÉM nas Escrituras; Lamentavelmente vi muitos cegos criticando coisas que nem mesmo eles conhecem por ainda não terem aprendido de Cristo, porém, como somos orientados a amar uns aos outros como CRISTO nos amou (vide João 15:12), então por amor a todos deixo um link falando sobre os "Falsos e verdadeiros Profetas":

http://deencontrocomaverdadegenuina.blogspot.com.br/2017/02/os-profetas.html

Pois com base em Cristo, amar é corrigir, repreender, admoestar, ensinar e aconselhar com mansidão os demais irmãos que ainda só compreendem as Escrituras de forma literal/letra, sendo que a letra mata (vide II Coríntios 3:6 / II Timóteo 2:24 ao 26 / II Timóteo 3:16).

Um conselho para todos: Cuidado com as palavras!
http://deencontrocomaverdadegenuina.blogspot.com.br/2017/01/a-lingua.html

Obrigada pela atenção de cada um de vocês!

Unknown disse...

se ler o capitulo 5 no verso 12,13 e 14 ele explica porque da ordem de obedecer os lideres e tals ...

efraim moraes bueno disse...

Marcos 9
38 Disse-lhe João: Mestre, vimos um homem que em teu nome expulsava demônios, e nós lho proibimos, porque não nos seguia. 39 Jesus, porém, respondeu: Não lho proibais; porque ninguém há que faça milagre em meu nome e possa logo depois falar mal de mim; 40 pois quem não é contra nós, é por nós.

Se vocês pregando o evangelho de Jesus não perderiam tempo criticando e escadalizando a sua obra e levando varias pessoas perderem a fé.Se nem nosso mestre proibiu pregar o evangelho não importa se é apostolo,bispo,pastor ou presbítero importa é que Jesus vai jugar e condenar quem não obedece sua palavra se uns acredita que tem que obedecer seus pastores e outros não eles vão se julgados pela sua fé.Já tem muitos filhos do diabo atrapalhando e tentando destruir o evangelho de Jesus. Vai orar e pare de escandalizar a palavra de Deus.

efraim moraes bueno disse...

Salmos 133
1 Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união! 2 É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desceu sobre a barba, a barba de Arão, que desceu sobre a gola das suas vestes; 3 como o orvalho de Hermom, que desce sobre os montes de Sião; porque ali o Senhor ordenou a bênção, a vida para sempre.

Anônimo disse...

Que pessoa pobre de hermética,é lamentável ver na internet quanto pensamento besta

Unknown disse...

Onde Paulo foi submisso a Pedro?
cite a passagem na biblia por gentileza.