DIFERENTES TIPOS DE "JESUS"

Por Letícia Romero

Em cada lugar está sendo nos apresentado um "Jesus" diferente, você não percebeu isso? Bem, neste estudo eu vou te mostrar como as religiões e as diferentes doutrinas tem pregado um "Jesus" totalmente oposto ao outro e contrário às Escrituras.

Vamos ao Primeiro: 

"JESUS" - PODE TUDO

 

Este "Jesus", é servido por algumas religiões onde os servos abandonam totalmente a doutrina que Jesus impôs na terra durante sua vinda, ou seja, este é o Jesus do século 21.
Para ele a mentira, fofoca, contendas, inveja, raiva, adultério, fornicação, homossexualismo, nada disso é pecado, tudo está liberado.
Este "Jesus" não impõe nada aos seus servos, mudança de vida, comunhão com ele, nada, ele está feliz só pelo fato de você ir ao templo do jeito que você é sem mudanças, continue, se prostituindo, ficando com várias mulheres, Ele te ama e vai te salvar deste jeito mesmo.
A maioria dos atores, jogadores de futebol, estão servindo a este "Jesus", alguns jovens da nossa época também, trazendo práticas mundanas e se comportando de uma forma mundana.

Esse Jesus fala que as coisas "não tem nada haver" e sempre fecha os olhos para as burradas que seus servos dão, não por amor, mas por omissão, Esse "Jesus" só te vê quando você está dentro do templo, quando você está fora ele te esquece completamente e nem sabe os lugares onde você foi, com quem você andou, o que você falou, contanto que você faça o compromisso com a religião ou o grupo frequentado.

"JESUS" - NÃO PODE NADA


Este "Jesus" é totalmente diferente do anterior, esse é carrasco, quem serve a ele não pode fazer quase nada que uma pessoa normal faria, ir à praia, colocar calça jeans, colocar um brinco, ter relações com o marido, usar cabelo solto, ir ao cinema ver um filme, se depilar, passar perfume e até tomar banho.
Este Jesus prende a pessoa dia e noite debaixo de um jugo, "se você não fizer isso sua vida será amaldiçoada", este "Jesus" olha muito a aparência da pessoa, é o que mais importa para ele, o exteriótipo, e ele é vingativo, se você pegar alguém que serve a ele quebrando uma destas regras a pessoa pode ser expulsa da religião ou do grupo que frequenta. Sem dó e piedade, sem desculpas.
Este "Jesus" sempre está a espreita esperando qualquer erro seu para te acusar e não derramar as bençãos.
E as pessoas que cultuam a este Jesus são intoleráveis, e dificilmente se juntam com quem não pensa como eles.

"JESUS" - O RICO

Este "Jesus" está sendo muito cultuado, pode se dizer que é o mais cultuado nos dias de hoje, ele prega  que as riquezas, os bens materiais, as influências são as coisas mais importantes deste mundo, esse "Jesus" prega que temos que fazer campanhas e orar dia e noite pelos nossos bens, carro, casa, dinheiro.
E ele sempre pede algo em troca, você tem que dar para receber, nada sairá de graça das mãos dele.
Esse "Jesus" diz que você sempre tem que pensar no melhor para você e não precisa mais sofrer para nada, não pode haver na sua vida momentos ruins, somente momentos bons, se não houver é por que você não está o servindo direito.
Ele prega que você tem que ajuntar tesouros na terra sim e que você tem que se preocupar com o que vai comer ou vestir amanhã e fala para você desejar as coisas dos outros, por que se o impio tem, você pode ter também.
E ele é empresário, tem alguns produtos para vender, cimento, martelo, pão, tudo isso em troca de bençãos.
Afinal Jesus nasceu em um lar rico e só vivia com os influentes da época, seu jumentinho era uma BMW, não é?

"JESUS" - O RELIGIOSO


Este "Jesus" está totalmente longe da nossa realidade, ele veio criar uma religião, e só quem está dentro dela será salvo, ele impôs alguns dogmas para sermos salvos totalmente religiosos, se não seguirmos fielmente podemos parar no inferno, temos que pagar penitências pelos nossos pecados e fazer sacrifícios extremos contra nosso corpo para alcançarmos sua misericórdia.
Ele não entende nossos problemas, e não está com vontade de ouví-los, ele está em outra dimensão muito longe de nós, só quer que façamos tudo o que ele mandou sem errar.
Ele exige uma disciplina e uma rotina diária, se você não fizer você se sentirá mal, pois sabe que vai estar entristecendo ele, pelo fato de não ir ao culto, ou ao ensaio, ao a reunião. Você se mostra santo, mas não é, você se mostra intelectual na palavra, mas não é, você precisa fingir por que este "Jesus" exige que você saiba, que você tenha alguma espiritualidade que você tenha um compromisso, pelo menos na frente das pessoas, mesmo você estando vazio.
Ele também não prega a mudança de vida contanto que você cumpra suas obrigações.

Vocês viram que pensamentos diferentes tem surgido em nosso meio.


Na verdade não são diferentes "Jesus" mas sim diferentes líderes que pregam um Jesus diferente.
Este Jesus, o verdadeiro e único, prega o que é pecado e as consequências do pecado na nossa vida, prega que temos que amar a todos, mas não nos influenciar com eles, prega que não adianta ter o exterior bonito e por dentro ser um sepulclo caiado, prega que não devemos buscar as coisas da terra por que nosso reino é nos céus, prega que andar com Ele é liberdade, é cultuá-lo em qualquer lugar a qualquer hora, ter ele envolvido nas coisas mínimas de sua vida.
 
Mas você? 
Sabe qual Jesus está servindo?

"Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências"













Nenhum comentário: